"Há várias maneiras de vencer uma guerra. A segunda guerra mundial foi vencida com a bomba atômica. A guerra do Vietnã foi vencida por camponeses escondidos na floresta. Moisés ganhou uma guerra levantando os braços."

Zombaram do seu Rei, cuspiram no seu Rei, crucificaram o seu Rei. Mas Ele não disse nada, porque sabia que era por você. Então para de chorar e sorri um pouco! Cristãos
~Total Se Jesus voltasse agora você estaria Preparado?

Neko

theme by un-equal inspired in nee-d
Aos 17 anos todo mundo é poeta, junto com as espinhas da cara, todo mundo faz poesia. Homem, mulher, todo mundo têm seu caderninho lá dentro da gaveta, e têm os seus versinhos que depois ele joga fora ou guarda como mera curiosidade. Ser poeta aos 17 anos é fácil, eu quero ver alguém continuar acreditando em poesia aos 22 anos, aos 25 anos, aos 28 anos, aos 32 anos, aos 35 anos, aos 40 anos, eu estou com 41, aos 45 anos, aos 50, aos 60 anos, até você encontrar um poeta, por exemplo, como Drummond ou como o admirável Mário Quintana que são poetas que estão fazendo poesia há mais de 60 anos e há mais de 60 anos que a poesia é o assunto deles. Então eu acho que 90%, mais! 99% dos poetas que estão fazendo poesia hoje, daqui a dez anos eles vão estar fazendo outra coisa, porque vem a vida, vem os filhos, vem preocupações com dinheiro, vem as ambições do consumo, vem a necessidade de comprar isso, comprar aquilo, de adquirir uma casa na praia e tal, e tudo começa a se tornar mais importante do que a poesia. A poesia é uma espécie de heroísmo, você continuar ao longo dos anos acreditando nessa coisa inútil que é a pura beleza da linguagem, que é a poesia, é um heroísmo, é uma modalidade quase, às vezes eu gostaria de acreditar, de santidade. É uma espécie de santidade da linguagem. Porque a poesia não vai te fazer rico de jeito nenhum, é muito mais fácil você abrir uma banquinha e vender banana do que fazer poesia. Quer dizer, para você continuar acreditando em poesia é preciso muita santidade.
Paulo Leminski em "Ervilha da Fantasia"    (via esplandecer)

indiretas aqui:
Posted 2 days ago with 8,647 notes · reblog this
originally paulo-leminski via cartaspramiami


indiretas aqui:
Posted 4 days ago with 4,348 notes · reblog this
originally oh-delicia via ressuscita

Se tudo o que precisa
É a esperança encontrar
Siga em frente
Desvie-se dos buracos pelo caminho
Olhe pro alto
Onde Deus está
Quando se perder nEle
Se achará
E então entenderá
Que para se encontrar
Só precisa
A Ele achar.
Achado. Oceano. (via oceanmaps)

indiretas aqui:
Posted 4 days ago with 24 notes · reblog this
originally oceanmaps via oceanmaps


indiretas aqui:
Posted 4 days ago with 13,311 notes · reblog this
originally plasmatics-life via theonlyway4us

stripesandpeonies:

{Flower stand on the way to the beach} (at Pacific Coast Highway)


indiretas aqui:
Posted 4 days ago with 22,649 notes · reblog this
originally stripesandpeonies via theonlyway4us


indiretas aqui:
Posted 4 days ago with 50,412 notes · reblog this
originally beeslikehoney via theonlyway4us

Aprendi que deveríamos ser gratos a Deus por não nos dar tudo que lhe pedimos.
William Shakespeare (via dna-de-deus)

indiretas aqui:
Posted 4 days ago with 4,413 notes · reblog this
originally dna-de-deus via cartasutopia

Ele é o verbo. Ele é a poesia.


indiretas aqui: #*luzia gabrielle  
Posted 4 days ago with 6 notes · reblog this

Que a poesia salte do papel pro meu ser e ilumine minha vida.
— Talita Lima (via vivendo-a-poesia)

indiretas aqui:

primogenita:

"Rosa mel
Do meu
Encanto
Doce seu
Sorriso
Manso.
Rosa
Teu
Olhar sincero
Moço
Meu
Como eu te quero.”


indiretas aqui:
Posted 4 days ago with 4 notes · reblog this
originally primogenita via primogenita